Acesso Rápido

O que você precisa?

Telefones Úteis

Página Inicial Noticias Lista de notícias Alerta preventivo: risco moderado de ocorrência de fenômeno meteorológico adverso em áreas do Ceará amanhã (12/01)
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto

Alerta preventivo: risco moderado de ocorrência de fenômeno meteorológico adverso em áreas do Ceará amanhã (12/01)

Qui, 11 de Janeiro de 2018 15:40

A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (CEDEC) do Ceará, integrante do Sistema Nacional de Proteção e Defesa Civil (SINPDEC), é o órgão responsável pela divulgação de Alertas Preventivos quanto a riscos de desastres associados a eventos meteorológicos, hidrológicos e geológicos no estado do Ceará.

Os Alertas Preventivos baseiam-se em previsões meteorológicas que podem ou não se confirmar e são emitidos para fins de antecipação de ações preventivas dos órgãos de defesa civil e orientações para a população em geral, especialmente aos moradores de áreas de risco.

Considerando o Aviso Meteorológico nº 1552 emitido pelo Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/INPE) em 11/01/2018, informando risco moderado de ocorrência de fenômeno meteorológico adverso no dia 12/01/2018 em áreas do Ceará (Cariri, Centro-Sul e Sertão dos Inhamuns) e em áreas de outros estados, bem como a Previsão do Tempo da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (FUNCEME), a CEDEC orienta:


Em risco ou ocorrência de inundação, enxurrada ou alagamento

- Siga as orientações de emergência da sua comunidade;

- Desligue a chave geral de energia e feche o registro de água;

- Mantenha documentos pessoais, objetos de valor, produtos de limpeza e alimentos em local protegido, longe do alcance das águas;

- Leve o lixo para uma área fora do alcance da água;

- Não deixe crianças brincando nas águas das ruas ou mananciais, pois elas podem ser levadas pela correnteza ou contaminar-se, contraindo graves doenças, como hepatite e leptospirose;

- Não deixe crianças trancadas em casa sozinhas;

- Mantenha sempre pronta água potável, roupa e remédios, caso tenha que sair rápido da sua casa;

- Tenha um lugar seguro previsto (abrigo público, casa de parentes ou amigos), onde você e sua família possam se abrigar/alojar se tiver que sair de casa;

- Conheça o Centro de Saúde mais próximo da sua casa;

- Retire do quintal os móveis e utensílios que possam ser carregados pelas águas;

- Convença as pessoas que moram nas áreas de alto risco a saírem de casa durante as fortes chuvas;

- Não atravesse áreas com correnteza de água, pois poderá ser arrastado, mesmo se estiver de carro;

- Caso precise passar com o veículo automotor por uma área alagada, mantenha distância do veículo à frente, avance em baixa velocidade, mantendo o motor sempre acelerado e acima do nível da água. Se o carro enguiçar, abandone o veículo;

- Avise imediatamente ao Corpo de Bombeiros Militar (fone 193) e ao órgão municipal de proteção e defesa civil (Em Fortaleza, ligue 190. Em outros municípios, acesse o contato AQUI) sobre as áreas afetadas pela inundação e solicite o auxílio necessário.

Após a inundação, enxurrada ou alagamento

- Veja se sua casa não corre o risco de desabar, faça essa análise durante o dia, quando há maior luminosidade. Observe se há trincas nas paredes, emperramento de portas e janelas, bem como rachaduras no solo;

- Raspe toda a lama e o lixo do chão, das paredes, dos móveis e utensílios e coloque o material a ser descartado para a limpeza pública;

- Lave e desinfete as paredes e os objetos que tiveram contato com as águas da inundação (pode-se usar 1 litro de água sanitária para cada 5 litros de água);

- Cuidado com os animais venenosos ao movimentar objetos, móveis e utensílios;

- Certifique-se de que não há fios desencapados antes de religar a eletricidade;

- Não beba água ou coma alimentos que tiveram contato com as águas da inundação.

 

Em risco ou ocorrência de tempestade de raios

Se estiver na rua:

- Evite lugares que ofereça pouca ou nenhuma proteção contra raios, tais como pequenas construções não protegidas, tendas e barracos;

- Evite utilizar veículos automotores sem capota, motocicletas e bicicletas;

- Evite ficar próximo a postes e outras estruturas altas, bem como da fiação elétrica e telefônica;

- Não se aproxime de cercas de arame, varais metálicos, linhas férreas e outras estruturas metálicas;

- Não permaneça em áreas abertas como campos de futebol, praias, quadras esportivas e estacionamentos;

- Não fique no alto de morros ou no topo de prédios;

- Não se abrigue em árvores ou debaixo delas;

Se estiver em casa:

- Evite utilizar equipamentos e eletrodomésticos que estejam ligados à rede elétrica, como o celular carregando, por exemplo;

- Evite utilizar o telefone com fio (o sem fio pode ser utilizado);

- Não fique próximo a tomadas, canos, janelas e portas metálicas;

- Acione imediatamente o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência - SAMU (fone 192), caso alguém seja atingido por um raio.  

 

Em risco ou ocorrência de queda de árvore

- Isole a área de risco de queda da árvore;

- Se a árvore em risco está em área pública, acione a Prefeitura Municipal para realizar a poda ou o corte. Em Fortaleza, o órgão responsável é a Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (URBFOR), que atende pelo aplicativo ou fone 156;

- Se a árvore em risco está próxima ou em contato com a fiação elétrica, acione a Enel, que atende pelo fone 0800 2850196;

- Se a árvore em risco está em área privada, solicite avaliação da Prefeitura Municipal e orientações para a poda ou o corte. Em Fortaleza, vá até a Secretaria Regional do seu bairro;

- Se ocorreu a queda da árvore, resultando em vítimas presas, ou a queda da árvore é iminente, podendo causar danos humanos ou ao patrimônio, acione o Corpo de Bombeiros Militar, que atende pelo fone 193.

 

Em risco ou ocorrência de deslizamento

- Construa calhas e canaletas para escoamento da água da chuva;

- Providencie a colocação de lonas plásticas nas barreiras para dificultar a infiltração da água no solo;

- Se você observar o aparecimento de fendas, depressões no terreno, rachaduras nas paredes das casas, inclinação de tronco de árvores, de postes e o surgimento de minas d’água, acione o órgão municipal de proteção e defesa civil (Em Fortaleza, ligue 190. Em outros municípios, acesse o contato AQUI) para que seja feita uma avaliação do risco e tomadas as medidas de segurança;

- Em caso de deslizamento com vítima, acione o Corpo de Bombeiros Militar (fone 193) e o órgão municipal de proteção e defesa civil. 

- Afaste-se e colabore para que curiosos mantenham-se afastados do local afetado, pois poderão ocorrer novos deslizamentos;

- Não permita que crianças e parentes entrem no local do deslizamento;

- Siga as orientações do Corpo de Bombeiros Militar e da Defesa Civil.

 

Serviços

Agenda - Janeiro 2018

Do Se Te Qu Qu Se Sa
31 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31 1 2 3

Coordenadoria Estadual de Defesa Civil do Ceará - Rua Oto de Alencar, 215 Centro - Cep 60.010-270, Fortaleza/Ce

Fone: (85) 3101.4582 e Fax 3101.2118

© 2008 - Governo do Estado do Ceará. Todos os Direitos Reservados