Acesso Rápido

O que você precisa?

Telefones Úteis

Página Inicial Noticias Lista de notícias Seca no Ceará: 89 municípios permanecem com áreas em situação de emergência
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto

Seca no Ceará: 89 municípios permanecem com áreas em situação de emergência

Qua, 18 de Abril de 2018 21:00

Atualizado em 19/04/2018 às 19:28. 

 

 

Com a publicação do Decreto nº 32.568, de 16/04/2018, do Governo do Estado do Ceará, no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (17/04), foi declarada situação de emergência por seca em áreas de 48 municípios cearenses. Esses municípios somam-se aos 41 que permanecem com áreas em emergência declarada pelo Estado por meio do Decreto nº 32.458, de 15/12/2017 e ao município de Senador Pompeu, que declarou emergência por estiagem em 02/01/2018. Neste novo Decreto Estadual, o município de Catarina, que já constava no Decreto nº 32.458, excluiu da área em situação de emergência a sede municipal. Assim, ao todo, há 89 municípios cearenses com áreas em situação de emergência por estiagem ou seca.

 

O novo Decreto de emergência considerou o Parecer Técnico da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CEDEC/CBMCE), que analisou os danos e prejuízos da seca informados pelos Municípios no Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID), bem como dados das chuvas, das reservas de água e do abastecimento emergencial de água até o mês de março deste ano. Concluiu-se que a declaração de emergência se faz necessária para a continuidade das seguintes ações complementares de assistência à população e de restabelecimento do abastecimento d'água nas áreas atingidas pela seca:

- Operação Carro-Pipa federal, realizada nas áreas rurais semiáridas;

- Renegociação de financiamentos realizados por produtores rurais;

- Operação Carro-Pipa estadual, realizada nas áreas urbanas e nas áreas rurais não semiáridas; e

- Outras ações custeadas com recursos federais, como a construção de poços, adutoras de engate rápido e o restabelecimento de estações de bombeamento.

 

De janeiro de 2012 até o mês de março de 2018, a média de chuvas permaneceu abaixo da normalidade no Ceará, segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Em consequência, os principais reservatórios de água do estado, monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (COGERH), tiveram seu armazenamento reduzido de 68% para 8,4% no mesmo período. Mesmo com as consideráveis chuvas deste mês de abril, os reservatórios estão com volume correspondente a apenas 14,7% da capacidade de armazenamento e em muitas localidades do estado o abastecimento de água permanece sendo realizado de forma emergencial.

 

A CEDEC permanecerá monitorando as precipitações pluviométricas desta quadra chuvosa nas áreas afetadas pela seca, bem como a necessidade de continuidade do abastecimento emergencial nessas áreas.

 

 

Serviços

Agenda - Maio 2018

Do Se Te Qu Qu Se Sa
29 30 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31 1 2

Coordenadoria Estadual de Defesa Civil do Ceará - Rua Oto de Alencar, 215 Centro - Cep 60.010-270, Fortaleza/Ce

Fone: (85) 3101.4582 e Fax 3101.2118

© 2008 - Governo do Estado do Ceará. Todos os Direitos Reservados